CONTENÇÃO COGNITIVA – ver as coisas por um ângulo positivo

O acúmulo de problemas e preocupações tem gerado desconforto emocional e até doenças psicossomáticas em uma parcela cada vez maior da população. Além da terapia, um dos principais remédios para reduzir o inconsciente depressivo é tentar ver as coisas por outro ângulo.

Conhecido nos meios acadêmicos como contenção cognitiva, ver as coisas por um ângulo positivo funciona como um supressor que reduz as emoções negativas que naturalmente tendem a se alastrar. Podemos enxergar o mundo com olhos otimistas ou pessimistas. Se o problema já está instalado não faz sentido piorá-lo com uma visão ainda pior.

Segundo Eugênio Mussa, professor do MBA da FIA, a crise tem uma virtude, ela é desconfortável. E como não gostamos desta sensação, precisamos nos mexer para voltar a sentir segurança e conforto. Por exemplo, vocês estão na palestra sentados nestas cadeiras em um local seguro e com ar-condicionado, mesmo assim, de tempos em tempos mudam de posição quando se sentem desconfortáveis.

Se continuarmos realizando a mesma coisa que fazíamos há um tempo, não venceremos as dificuldades que estão por vir. O que fizemos até agora foi o que nos colocou na crise ou, pelo menos, não foi capaz de evitá-la.

Independente da sua crença, existe uma energia que faz girar o círculo do sucesso ou do fracasso das empresas. Quando as coisas estão bem, em crescimento, dinheiro no caixa, equipe motivada, parece que atraímos somente coisas boas, como diz o ditado: “dinheiro chama dinheiro”. Mas a recíproca é verdadeira quando a “bruxa está solta”, demissões, inadimplência, perda de aluno e desmotivação, parece que tudo vai ladeira abaixo. Não sei bem os fatores que movimentam estes círculos, mas caso esteja no círculo errado é hora de inovar.

A palavra motivação deriva da palavra movimentação, isto é, um ótimo remédio para sair da crise é correr dela, movimentar-se, empreender, incorporar novas tendências e sugestões.

Uma empresa de sucesso é formada por pessoas de sucesso, e isso acontece quando existe uma equipe de líderes comprometidos com a cultura da empresa, capacitados a liderar e com grande conhecimento de suas atribuições. O problema ocorre quando a instituição possui condutores sem todos os predicados. Por isso, antes de contratar ou promover coordenadores, assistentes, gestores de comunicação e líder de atendimento, verifique se possuem todas as características necessárias. Caso tenha alguma dúvida, não contrate.

Conhecimento Liderança Cultura
Domina plenamente o conteúdo exigido para exercer o cargo Possui a inteligência interpessoal suficiente para motivar e gerenciar

os colaboradores

Pode discordar de estratégias e determinadas atitudes do mantenedor, mas compactua com os mesmos princípios, dogmas e ideais

 

 Christian Rocha Coelho
CEO do Grupo Rabbit

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *