8 dicas para motivar os colaboradores a enfrentar os novos desafios

8 dicas para motivar os colaboradores a enfrentar os novos desafios
Programa de Contingência para as Escolas – Grupo Rabbit

Adultos trazem consigo uma grande carga de experiência. E à medida que esta aumenta, tendem a criar hábitos, preconceitos e julgamentos que costumam fechar a mente para novas ideias e alternativas mais atualizadas.

Para qualquer tipo de mudança ocorrer é necessário que a pessoa esteja aberta a mudanças de atitudes e quebrem seus paradigmas. É nesse momento que a psicologia da aprendizagem para adultos ou andragogia pode auxiliar e atuar como facilitadora para que etapas sejam cumpridas com a menor resistência possível e os novos desafios causem sensações positivas, interessantes e motivadoras.

A palavra “andragogia” tem a sua origem na Grécia Antiga: andra (adulto) e agogé (condução). Segundo a definição do pesquisador americano Malcolm Knowles em seu livro “The Adult Learner”, andragogia é a ciência de desenvolver e motivar adultos a adquirir novos hábitos, conhecimentos e atitudes.

Lindeman, Knowles e Wlodkowski, três dos principais pesquisadores da educação de adultos, sugerem que a motivação dos adultos para aprender é a soma dos seguintes fatores, que podem auxiliar os líderes das instituições de ensino nesse momento de grandes mudanças:

1 – Promover a confiança
Quando assistido de perto, o adulto sente-se confiante em experimentar ou adquirir um novo hábito, pois não está sozinho nesta empreitada. Ao seu lado existe uma pessoa com conhecimento e liderança para acompanhá-lo, ensiná-lo e apoiá-lo ao longo de uma nova experiência.

2 – Foco nos benefícios
Adultos são motivados a aprender quando percebem que as necessidades e os interesses que buscam serão atendidos. A decisão de uma pessoa em envolver-se em um novo projeto está relacionada ao valor que ela atribui para realizá-lo e os benefícios que receberá como, por exemplo, o reconhecimento formal (elogios) nas reuniões on-line.

3 – Possuir objetivos definidos
Sem saber aonde se quer chegar (objetivo), como conseguir (metas) e se o caminho está certo (análise de desempenho), não existe necessidade de se movimentar. Sem um objetivo claro o adulto não tem motivo nem motivação para mudar de atitude ou progredir.

4 – Visão do todo
Os adultos precisam ter a liberdade para se autogovernar, isto é, de ser responsáveis pelas suas atitudes e aprendizagem. Para isso, é importante que tenham uma visão holística do processo e a ciência do planejamento estratégico.

5 – Propiciar autonomia
O adulto sente-se motivado quando participa da tomada de decisão e tem autonomia para agir em busca de seus objetivos.

6 – Aprendizado experiencial
A experiência é a mais rica fonte de aprendizagem para os adultos. Praticamente todo o conteúdo necessita ser de utilidade prática, imediata e possível de gerar resultados positivos em curto, médio e longo prazo.

7 – Valorizar seu time
Nós, como animais sociais, somos influenciados pela opinião coletiva. Fazer parte de um time de ponta estimula cada indivíduo a buscar o seu melhor. Por isso, cuidado com as críticas compulsórias.

8 – Investir em capital humano – “É ter a consciência de que é cada vez mais importante que os funcionários sejam aprendizes altamente qualificados, para que possam aprender novas tecnologias e se adaptarem às novas demandas de mercado.” Elwood F. Holton III e Richard A. Swanson

 

Christian Rocha Coelho
CEO Grupo Rabbit
@gruporabbitoficial – www.rabbitmkt.com.br

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *